VEJA VÍDEO: ACM Neto diz que Rui Costa fica ‘de braços cruzados’ em relação à segurança – SSP responde

Do Aratu Online, parceiro do Simões Filho Online

Um vídeo divulgado na noite desta quarta-feira (16/8), em sua conta na rede social Facebook, o prefeito de Salvador, ACM Neto, reclamou da onda de violência em Salvador e criticou o governador do estado, Rui Costa (PT). “Fica de braços cruzados vendo a cidade ser tomada pela criminalidade. Ninguém aguenta mais”, disse o representante do Partido Democratas (DEM), que ainda questionou a manutenção do Secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa.

Veja vídeo abaixo

À imprensa, a Secretaria de Segurança Pública do (SSP-BA) emitiu uma carta de resposta. Leia abaixo:

“A Secretaria da Segurança Pública ressalta que o trabalho da polícia baiana é diário e se reflete nos números de produtividade. No primeiro semestre, na Bahia, foram pouco mais de 10 mil criminosos presos (média de 56 por dia) e aproximadamente seis toneladas de drogas (maconha, cocaína e crack) apreendidas, mostrando nosso empenho no combate ao tráfico de drogas. Pelo segundo ano consecutivo estamos com redução de roubos a bancos, esforço reconhecido pelas próprias instituições financeiras.

Saímos de um orçamento, em 2006, de R$1,54 bilhão para Segurança Pública, para R$ 5,1 bilhões no ano passado. Isso representa um aumento de 231,8% nos investimentos nesta área, mostrando a prioridade do Governo do Estado em proteger os baianos.

Foram mais de 17 mil policiais contratados de 2007 a 2016, inclusive, recentemente, realizamos provas de um novo concurso da Polícia Militar. Com relação às estruturas, entre 2015 e o primeiro semestre deste ano foram inauguradas novas unidades policiais em Uruçuca, Iguaí, Bonito, Capim Grosso, Buritirama, Bom Jesus da Lapa, Itapé, Maraú, Serrinha, Juazeiro, Salinas da Margarida, Itapetinga, Praia do Forte, Cajazeiras, Porto Seguro, Alagoinhas, Paulo Afonso, Casa Nova e Barreiras. Semana que vem será inaugurado o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) de Itaberaba. Nunca se investiu tanto em Segurança.

O que é importante enfatizar é que Segurança Pública depende também de ações nas áreas de Educação, Emprego, Iluminação Pública, e, principalmente de políticas sociais voltadas para as crianças, adolescentes e moradores de rua, na sua grande maioria usuários de drogas. Importante que os municípios contribuam também com isso e não coloquem no ‘colo’ da polícia a única e exclusiva responsabilidade pelo combate a violência. É uma maneira fácil de fugir das respectivas responsabilidades.

Por fim a SSP destaca que o trabalho seguirá sendo feito com muito empenho pelos policiais Militares, Civis, Técnicos e pelo Corpo de Bombeiros. A população sabe que pode confiar no trabalho das forças de segurança”.

Veja mais