Vítima de acidente de moto, mototaxista sofre no Hospital de Simões Filho; “O Hospital não tem recursos”

Autor: Redação

Publicada em


Vítima de um acidente no começo da tarde desta quinta-feira (2/8), o mototaxista Givanildo da Silva Pereira, de 32 anos, encontra-se em situação delicada após sofrer uma fratura fechada no fêmur. Internado no Hospital Municipal de Simões Filho, que não tem recursos para realizar o procedimento cirúrgico que o caso requer, o homem sofre à espera de regulação para uma unidade de saúde da capital baiana.

De acordo com o irmão da vítima, Reinaldo da Silva, de 31 anos, a família tentou levar o paciente por conta própria para outra unidade de saúde, contudo, os médicos não autorizam a transferência. “Eles disseram que teremos que esperar a regulação. O Hospital não tem recursos para operar o meu irmão”, disse.

O Brigadista Motta, que chegou ao local do acidente primeiro que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), conta realizou o atendimento de Givanildo, colocou a vítima na ambulância da Equipe Motta e iria encaminhá-lo para o Hospital do Subúrbio, por entender que hospital local não tinha suporte para caso. No entanto, uma equipe do Samu chegou ao local e levou a vítima para Hospital Municipal de Simões Filho, onde permanece internado.

O ACIDENTE

De acordo com informações de populares, Givanildo estava conduzindo uma moto modelo Cinquentinha, de placa não divulgada, quando colidiu na lateral de um veículo Ford Ka. Com o impacto, o motociclista caiu ao solo e ficou gravemente ferido.

O acidente aconteceu na tarde desta quinta