Vitória supera Vasco no Rio no dia do Aniversário de 119 anos

Autor: Redação

Publicada em


Foto: Paulo Fernandes/ Vasco

Com direito a jogo exibido no cinema e lançamento do uniforme Topper para a temporada 2018, o Esporte Clube Vitória, no dia do seu aniversário de 119 anos, derrotou o Vasco da Gama neste domingo (13), por 3 a 2, em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), e chegou ao seu primeiro triunfo no Brasileirão 2018. André Lima, Lucas Fernandes e Werley (contra) marcaram os gols do Leão, que agora tem 4 pontos somados na Série A.

Com equipe modificada pelo técnico Vagner Mancini e bastante concentrado em campo, o Vitória foi cirúrgico no primeiro tempo logo aos 6 minutos. André Lima, aproveitando falha da defesa cruzmaltina, tocou para o gol vazio de Martín Silva e pôs o Leão na frente: 1 a 0. No fim da primeira etapa, o time da casa empatou o placar com Yago Pikachu, de pênalti: 1 a 1. Um minuto antes do gol carioca, Caíque defendeu pênalti cobrado pelo argentino Andrés Rios.

Determinado, o Vitória, apesar da pressão adversária, foi eficiente e mereceu vencer. Lucas Fernandes, aos 25, contou com desvio da defesa carioca e marcou o seu primeiro gol pelo Rubro-Negro: 2 a 1. Em seguida, aos 30, Wallyson cobrou escanteio com veneno e a bola bateu em Werley antes de balançar as redes de Martín Silva: 3 a 1.

O Vasco ainda diminuiu o marcador com Andrés Rios, aos 37, mas insuficiente para impedir o triunfo rubro-negro no Rio de Janeiro: 3 a 2. O Leão agora se prepara para o primeiro jogo das quartas de final da Copa do Nordeste. Nesta quarta (16), o Vitória enfrenta o Sampaio Corrêa-MA, às 19h15, no Estádio Castelão, em São Luís. Pelo Brasileiro, o Vitória recebe o Ceará no próximo domingo (20), às 11h, no Barradão.

Vasco 2 x 3 Vitória

Campeonato Brasileiro (5ª rodada)

Data: 13/05/2018

Horário: 16h

Local: Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves (RS)

Assistentes: Laeirson Peng Martins (RS) e Lúcio Beiersdorf Flor (RS)

Vasco: Martín Silva, Rafael Galhardo, Breno, Werley e Henrique; Desábato, Bruno Silva (Bruno Cosendey), Yago Pikachu, Wagner (Riascos) e Caio Monteiro (Kelvin); Andrés Rios. Técnico: Zé Ricardo.

Vitória: Caíque; Lucas (José Welison), Kanu, Ramon e Jeferson;  Willian Farias, Fillipe Soutto e Rhayner (Lucas Fernandes); Neílton, Wallyson e André Lima (Denílson). Técnico: Vagner Mancini.